Amolim | Produtos de limpeza - Limpeza para os tipos de piso – Dicas para não errar
Seja um revendedor: (18) 3304-4467

Limpeza para os tipos de piso – Dicas para não errar


Um piso limpinho proporciona aquela sensação de bem-estar, de casa bem cuidada, mas na hora da limpeza sempre surgem algumas dúvidas, afinal cada tipo de piso precisa dos produtos certos, com modo de aplicação ideal.

A limpeza adequada do piso é determinante para sua conservação, durabilidade e beleza, isso evita que seu revestimento seja danificado, com arranhões, manchas, encardidos e em alguns casos opacidade.

Piso não é tudo igual, por isso vamos falar nesse artigo dicas e recomendações para a limpeza de cada do piso, confira abaixo.

 

Periodicidade

A periodicidade recomendada para a limpeza do piso é que seja feita pelo menos duas vezes por semana, não é uma regra, mas já ajuda a evitar o acúmulo de sujeiras, ou seja uma limpeza de rotina, a limpeza pesada pode ser feita a cada 15 dias.

Em tempos de pandemia a frequência de limpeza do piso deve aumentar, caso a circulação externa das pessoas seja intensa.

 

Vários tipos de piso

Atualmente existem vários tipos de pisos, feitos de materiais diferentes, que merecem atenção e cuidados especiais na hora da limpeza.

Os famosos Porcelanatos, os conhecidos pisos “quentes” de madeira, os sofisticados pisos de Mármore e os modernos pisos de Cimento Queimado são apenas algumas das variações, que aliás, podem coexistir em uma só casa, combinando suas características aos cômodos.

 

Mas e quanto a limpeza?

Acredite, o básico e simples vale para todos!

Seja para Pisos de Porcelanato, Cerâmica, de Pastilhas, Porcelana, Laminados, Vinílicos, Mármore, Granito, Ladrilhos, Lajota, Cimento Queimado, Madeira, Resina Epóxi, Borracha ou de Pedras Naturais a limpeza recomendada é:

Primeiro use uma vassoura de cerdas macias e remova a poeira.

Então o ideal é usar apenas um pano úmido com água e detergente neutro diluído. Depois usar um pano com água para enxaguar e então para finalizar use um pano seco e macio. É importante secar bem!

Proporção: 1 colher de sopa de detergente neutro diluído em 5 litros de água.

Essa combinação é campeã para a limpeza dos pisos, mas o que é recomendado evitar?

Evite limpar os pisos com produtos abrasivos para não riscar e danificar seu acabamento, afinal a maioria dos pisos possui brilho.

Cada tipo de piso tem suas particularidades, por isso vamos listar abaixo.

 

 

1 – Porcelanato e Cerâmica

O Porcelanato é um dos pisos mais queridos dos brasileiros, possui ótimo custo-benefício, vida útil consideravelmente longa e beleza inegável.

Os pisos de Porcelanato se dividem em polidos (alto brilho), acetinados (foscos) e esmaltados (diferentes acabamentos), são menos absorventes e considerados práticos para a limpeza, por sua textura lisa.

Algumas pessoas consideram o Porcelanato um tipo difícil, diante da sua delicadeza, mas a limpeza é simples!

Deve-se evitar produtos abrasivos e desinfetantes, que podem manchá-los, também ceras e produtos ácidos que podem retirar seu esmalte.

Os Pisos de Cerâmicas têm material similar ao do Porcelanato, são um pouco mais delicados, mas a forma de limpar é a mesma.

Existem ainda os Pisos Cerâmicos Antiderrapantes, nesse caso é necessário usar vassoura de cerdas duras e pode ser usado saponáceo em pó para a lavagem, também é indicado uso semanal de água sanitária para evitar o bolor e mofo. É importante sempre secar o piso.

 

2 - Pastilhas de vidro e Porcelana

Os Pisos de Pastilhas geralmente são usados em banheiros e cozinhas e acredite sua limpeza é fácil e simples, pois como não são porosos como os pisos comuns, não absorvem os produtos e não mancham ou encardem. 

As peças de Porcelana raramente mancham e por isso, pode-se aplicar o mesmo tipo de limpeza.

Sim a limpeza do dia a dia: apenas água e detergente neutro!

Limpeza pesada: saponáceo cremoso ou água sanitária para eliminar resíduos de gordura.

Evite usar produtos abrasivos, também escovas de aço, pois podem riscar, danificar e tirar o brilho do piso e prejudicar a sua durabilidade.

 

3 - Laminados e Vinílicos

Os Pisos Laminados são revestimentos sintéticos, que simulam materiais como a madeira, pedra ou mesmo são compostos de lâminas de madeiras, possuem excelente custo-benefício, alta durabilidade, são versáteis, oferecem isolamento acústico e são de fácil limpeza, mas detalhe importante: nunca devem ser lavados! São inimigos da água e alta umidade.

A Limpeza é simples, usando vassouras de cerdas macias para retirar a poeira ou aspirador de pó, depois um pano levemente umedecido com água e detergente neutro e após um pano seco para finalizar. É importante secar bem, pois a umidade pode deformá-lo ou estufá-lo.

Use uma colher de detergente neutro diluído em 5 litros de água.

Evite usar produtos abrasivos, ceras ou silicones, água sanitária, desinfetantes ou solventes.

Os Pisos Vinílicos são semelhantes aos Laminados e de Madeira, ou seja, também são inimigos da água, não devem ser lavados e devem ser bem secos, após a limpeza com pano levemente úmido. A limpeza é a mesma feita no Pisos Laminados.

 

4 - Mármore e Granito

Os pisos de Mármore são sinônimos de requinte e beleza, peças nobres e naturais com a vantagem da praticidade na limpeza. A combinação é simples e campeã: apenas água e detergente neutro, aplicados com um pano macio.

Jamais utilize água sanitária, produtos abrasivos. A única ressalva é que a longo prazo o mármore pode apresentar manchas, devido sua porosidade, então nesse caso o ideal na limpeza é usar detergentes e impermeabilizantes para proteger o piso, sua beleza e durabilidade.

Assim como o Mármore, o Granito também é um tipo de piso nobre e sua limpeza deve ser da mesma forma.

É recomendado inclusive para os dois o uso de cera em pasta a cada três meses ou selador para realçar seu brilho, evitar manchas e preservar as placas do piso, também é recomendado polir, assim fica sempre com a aparência de novo.

 

5- Ladrilhos e Lajotas

 

Os Pisos de Ladrilho hidráulico são bastante resistentes, mas bastante porosos, por isso devem ser limpos com cuidado com aquela receitinha infalível:

Remover a poeira usando uma vassoura macia, depois usar a mistura de água com detergente neutro e aplicar com um pano macio. O ideal é secá-lo bem também para evita manchas.

É recomendado a cada 15 ou 20 dias aplicar cera específica para ladrilhos ou cera líquida incolor com auxílio de rodo e flanela, para assim proteger o piso e restaurar seu brilho natural.

 

Evite limpar com produtos abrasivos para não riscar e danificar seu acabamento.

 

Assim como os Ladrilhos, as Lajotas, que são um tipo de azulejo, com o tempo vão se desgastando, perdendo seu brilho, pois tem grande capacidade de reter resíduos, assim a limpeza é a mesma recomendada, simples e eficiente.

 

6 - Cimento Queimado

 

O Piso de Cimento Queimado é um tipo de piso moderno, que tem ganhado cada vez mais visibilidade, possui aspecto rústico, é durável e resistente, imitando o concreto e fácil de limpar.

A limpeza é simples, usar vassoura de cerdas macias e aquela misturinha mágica de: água e detergente neutro, aplicado com pano macio. Deve-se sempre secá-lo bem, para evitar que outras sujeiras grudem.

Por ser um piso poroso é recomendado sua impermeabilização ou para manter seu brilho pode ser aplicado resina acrílica ou à base de água, cera ou mesmo polimento, assim ele fica lisinho e mais bonito, essa manutenção deve ser feita a cada três anos.

Apesar da aparência rústica é importante evitar produtos ácidos ou abrasivos, pois podem causar riscos difíceis de remover e danificar seu brilho.

 

7 - Madeira

 

Os Pisos de Madeira são um dos mais utilizáveis, por serem muito duráveis e combinarem com qualquer decoração, mas assim como todos os materiais naturais exigem maiores cuidados e claro, também é inimigo da água e umidade.

Mas sua limpeza é simples, sim apenas: usar vassoura macia ou aspirador de pó e pano levemente umedecido em água com detergente neutro. É importante secar bem e de imediato para evitar que o piso seja danificado, perca o brilho ou estufe.

Recomenda-se usar cera como acabamento da limpeza, em pequenas quantidades para proteger o piso e dar brilho com o polimento.

Evite usar produtos abrasivos, além de álcool e água sanitária.

 

8 - Resina Epóxi

 

O Piso de Resina Epóxi é conhecido como piso autonivelante, possui maior resistência química, é impermeável, resistente a química e não absorve sujeiras, não muito resistente a riscos e choques térmicos.

A limpeza ideal para o dia a dia é o uso de vassoura de cerdas macias, água com detergente neutro e aplicação com pano macio.

Para limpeza pesada, varrer antes para retirar as poeiras, então use um esfregão de espuma, água morna e amônia transparente.

Proporção: uma gota de amônia para cada 5 litros de água ou em caso de dificuldade de remover a sujeira pode ser usado desengordurantes neutros.

Devem ser evitados produtos abrasivos, ácidos ou alcalinos, água sanitária, pois prejudicam seu brilho, assim também como produtos à base de sabão, que podem deixar resíduos e torná-lo mais escorregadio.

 

9 - Borracha

 

O Piso de Borracha vinílico é um tipo bem versátil, que pode ser encontrado em diferentes cores, inclusive imitando outros materiais como a madeira, são resistentes, antiderrapantes, proporcionam conforto térmico e antialérgico, garantem aderência para maior segurança e são fáceis de limpar.

A limpeza é bem simples também, deve ser realizada com vassoura de cerdas macias para retirar a poeira, depois então usar um pano macio umedecido com água e detergente neutro. Aplique a misturinha e deixe agir por alguns minutos, depois esfregue em movimentos circulares principalmente áreas com sujeiras empreguinadas. Ao terminar enxague, retirando todo o sabão e seque bem. Para completar a higienização pode inclusive usar um desinfetante, que ajuda na restauração do brilho e na eliminação de odores.

Nunca use produtos abrasivos, solventes, água sanitária e ceras, pois não poderá ser removida.

 

 

10 - Pedras Naturais/ Rústicas

 

Os Pisos de Pedras naturais geralmente são usados em áreas externas, a maioria do tipo rústica. São pisos bem porosos e não suportam produtos concentrados, com isso a limpeza do dia a dia deve ser feita apenas incialmente com a vassoura de cerdas macias, depois usar com água e detergente neutro, para ajudar a dar brilho extra pode ser acrescentado três colheres de vinagre.

Para a limpeza pesada é indicado um Limpa Pedra, própria para esse tipo de material, assim como o Limpa Pedra da Amolim, capaz de remover o encardido

Pedras como Ardósia sem brilho, Miracema, etc.

Não devem ser usados produtos abrasivos, nem escovas de cerdas duras para não correr o risco de riscá-las.

 

Basicamente como pode perceber a limpeza ideal para a maioria dos tipos de piso é simples, sendo diferenciada em casos de manchas, encardidos, em que a limpeza precisa ser mais pesada. E para isso você pode contar com a Amolim.

A Amolim possui com uma linha completa para a eficiência na limpeza com economia, são produtos que fazem toda a diferença.

Limpa pedra, Desinfetantes, Multiuso e muito mais ideais para cada cantinho da casa.

Gostou desse conteúdo? Fique de olho em nosso blog, sempre trazemos dicas maravilhosas para você. Confira outros artigos clicando aqui. Aproveite para nos seguir nas redes sociais e ficar por dentro de todas as novidades: Instagram / Facebook.

 

Últimas do blog

Top de produtos de limpeza Amolim que não podem faltar no Kit de Revenda

Publicado em 09:29 21/09/2021

A Revenda de produtos de limpeza tem ...

O que você deve saber antes de começar a revender produtos de limpeza?

Publicado em 10:12 26/08/2021

Se você acompan...

Quais produtos utilizar para a limpeza do banheiro?

Publicado em 16:10 11/08/2021

Saber quais produtos utilizar para a limpeza do banheiro, pode tornar essa...